Posts

Dicas para viagens com filhos pequenos

Com as férias de julho se aproximando, muitos pais desejam curtir esse tempo com seus filhos em uma viagem em família. Mas no caso de quem tem filhos entre 3 e 5 anos – para impedir possíveis complicações e estresse – é necessário se planejar bem e ter em mente os cuidados necessários com os pequenos.

A primeira parte do planejamento de uma viagem é a escolha do destino, por isso lembre-se de evitar locais muito isolados, pois caso algum imprevisto aconteça, uma localização mais privilegiada – perto da cidade ou de hospitais – será de grande importância.

Além disso, pesquise com antecedência o endereço do centro de saúde mais próximo e tenha também o contato de algum médico, de preferência um pediatra de confiança, para que em casos menos graves, ele possa ajudar.

Ainda sobre o destino, faz-se necessário analisar se o hotel possui recreação, visto que crianças com esta idade precisam de cuidados e querem fazer novas amizades.

Dessa forma, separamos dicas de alguns locais que possuem esse perfil e são simplesmente maravilhosos:

Na região nordeste existem vários resorts que oferecem recreação, dentre eles está o Beach Park, localizado em Aquiraz (CE), que conta com vários brinquedos molhados que irão garantir a diversão do seu filho.

Se você não está procurando viajar necessariamente para um local de praia, mais para o sul do país, no Paraná, temos o resort Bourbon. Ele, em parceria com as Cataratas do iguaçu, oferece além de recreação, boliche, minizoo e piscina.

Já em Santa Catarina, o hotel Plaza Caldas da Imperatriz Resort & Spa, tem uma programação recheada de atividades ao ar livre para os pequenos. Por ser cercado pela Mata Atlântica, o lugar é lindo e encantará a todos.

Também, é preciso pensar em formas de evitar que as crianças sintam-se desconfortáveis ou irritadas durante o caminho até o destino final. Para distraí-las, baixe diversos jogos no tablet, leve livros de colorir e brinquedos que não façam sujeira. Aproveite para ensiná-las um pouco sobre responsabilidade e deixe que elas mesmas levem uma bolsa com seus brinquedos. Por fim, não esqueça de levar lanchinhos deliciosos para alegrar os pequenos.

Agora ficou mais fácil para você começar a preparar sua viagem, não é?

Quanto mais planejamento melhor!

Não deixe de viajar e se divertir por conta dos filhos, é muito importante relaxar e aproveitar enquanto eles estão pequenos para curti-los bastante.

CUIDADOS COM OS BEBÊS RECÉM- NASCIDOS

Durante a gravidez surgem dúvidas e curiosidades sobre como cuidar de um bebê, essas dúvidas vem principalmente das mamães de primeira viagem.
Assim que o bebê chega ao mundo, temos os primeiros cuidados, com a quantidade de banhos que podemos da no dia, com o umbigo, qual a melhor posição para colocar o bebê, cuidados com a assadura, de quanto em quanto tempo deve- se trocar a fraldas, entre outras dúvidas que surgem durante o tempo.
Por ser bebê recém nascido, é delicado, sensível e muito molinho, então trouxemos algumas dicas de como lidar com tudo isso.


Umbigo do bebê
Sempre ao trocar a fralda, preste muita atenção na área do umbigo. Limpe com delicadeza e com cuidado na hora de remover os resíduos acumulados.
Deixe o coto do cordão cair sozinho. Pesquisas sugerem que a secagem natural permite que o cordão caia sozinho.
Podem ficar calmas porque o umbigo é uma pele morta e por esse motivo não dói como imaginamos, então nunca deixe de fazer as higienes necessárias e o mais importante com muito cuidado e carinho.


Hora do banho
Recém nascidos não precisam de mais de um banho por dia. Banhos frequentes podem ressecar a pele. Exceto quando houver necessidades, porém os pais devem sempre ficar atentos, e qualquer dúvida procurar um pediatra.
São poucos os que nascem com muito cabelo na cabeça, mas se o seu bebê tem, lave com shampoo para bebês e sempre massagear suavemente. Necessário lavar o cabelo por último para evitar espuma na banheira.
Antes de colocar o bebê na banheira teste a temperatura da água, como já dito, a pele do bebê é sensível, então a água deve estar morna e não quente. Se o bebê chorar não se assuste, isso pode acontecer e é normal nos primeiros banhos.


Mamadas no dia a dia
O indicado é que o intervalo das mamadas não passe de 3 horas.


Cuidados com a pele
Por terem a pele delicada precisam ser cuidadas e protegidas. Mais da metade dos bebês sofrem de assaduras, mas não se preocupe, é comum e casos leves são curados entre 3 a 4 dias.


Além desses cuidados não podemos deixar de citar os:
Cuidados com Moleira;
Com o corte das unhas;
Como lidar com as Cólicas;
Cuidados com os ouvidos;


Esses foram apenas alguns dos cuidados que toda mãe deve ter com o bebê. Mas e você? Gostou das dicas?


Fonte: https://lavembebe.com.br/blog/primeiros-cuidados-com-o-bebe-recem-nascido/

Cuidados básicos com a chupeta para evitar a transmissão do Coronavírus

A higiene da chupeta requer um cuidado especial das mamães, principalmente nos primeiros meses de vida do bebê, afinal, recém-nascidos são muito suscetíveis aos gérmenes. Portanto, periodicamente, é necessário higienizar a chupeta para manter o seu bebê saudável.

As chupetas devem sempre ser esterilizadas antes do primeiro uso. Para esterilizar a chupeta, pode-se fervê-la em uma panela com um nível suficiente de água por 5 minutos ou deixá-la em uma mistura de água e agentes esterilizantes. Lembrando que ao usar uma solução de esterilização, a chupeta não deve ficar imersa por um tempo superior ao recomendado, já que isso pode acarretar na danificação do material.

Cuidados redobrados com a Pandemia

Durante a pandemia do vírus COVID-19, é recomendado um padrão mais alto do que o normal para os produtos dos bebês, principalmente aqueles que são levados a boca. É aconselhável esterilizar mamadeiras, bicos e chupetas antes de cada uso.

Formas de esterilizar a chupeta

Esterilização a vapor na panela
Essa é maneira mais barata de esterilização pois não é preciso ter nenhum aparelho específico. Nesse caso, é necessário ter uma uma panela nova somente para a esterilização das mamadeiras e chupetas do seu filho.

Numa panela coloque água para ferver e deposite os objetos limpos a serem esterilizados. Deixe ferver por 4 ou 5 minutos e depois retire os objetos com uma pinça própria para essa finalidade. Não utilize nada para secar os objetos, deixe-os secar num escorredor limpo.

Esterilizador de Micro-ondas
Esse é um método bem prático e rápido. Ao esterilizar em um micro-ondas, é preciso colocar tudo dentro de uma tigela de vidro, num recipiente de plástico próprio para o uso no eletrodoméstico ou no esterilizador de micro-ondas.
O procedimento é feito colocando os utensílios no recipiente e cobrindo-os com água, levando ao micro-ondas em potência máxima por cerca de 6 minutos, ou de acordo com a orientação do fabricante do produto. Em seguida, deve-se deixar as chupetas secarem naturalmente, em cima de uma folha de papel de cozinha.

No esterilizador elétrico
Nesse caso, deve-se seguir as orientações do fabricante, que vem na caixa do produto. Em geral, o procedimento dura cerca de 7 a 8 minutos e o aparelho traz a vantagem de desgastar menos os objetos, prolongando assim, sua vida útil. Após o processo, pode-se deixar os utensílios secando no próprio aparelho antes de guardá-los em um recipiente bem fechado.