Posts

Lista para chá de bebê

Criamos uma lista para que você não se sinta perdida ao fazer seu chá de bebê. Vamos lá? 

  • Os quitutes para chá de bebê ajudam a tornar o evento ainda mais gostoso e aconchegante. Ou seja: as comidinhas caseiras são perfeitas! 
  • E os doces? O bolo ou cupcakes não podem faltar! Acrescente também docinhos de festa como brigadeiros, trufas e biscoitos temáticos. 
  • Brincadeiras são super interessantes também. Como bingo e adivinhações. 
  • Abuse dos posters, varais, adornos e tapestries para uma decoração temática e bem divertida. Você vai amar e seus convidados também poderão aproveitar a décor para fazerem muitas fotos! 
  • Criar um checklist dos presentes também é uma excelente ideia.  

E aí, gostou da nossa lista para seu chá de bebê? Esperamos que sim. Ah, não se esqueça! O que não pode faltar são as pessoas que você ama do seu lado participando desse momento super especial, que é a chegada do seu bebê. 

A hora de ouro do bebê: Amamentação e o Parto Normal

Sabemos que a gestação é um momento muito importante na vida da mulher, pra isso é necessário que a mulher se prepare emocionalmente para se vincular com o bebê aproveitando os hormônios dessa fase tão especial. “Em 2016, o ministério publicou o Protocolo Clínico de Diretrizes Terapêuticas para Cesariana, com parâmetros que devem ser seguidos pelos serviços de saúde. A proposta é auxiliar e orientar profissionais da saúde a diminuir o número de cesarianas desnecessárias, já que o procedimento, quando não indicado corretamente, traz riscos como o aumento da probabilidade de surgimento de problemas respiratórios para o recém-nascido e grande risco de morte materna e infantil. Neste momento o mais importante para a gestante junto com o profissional de saúde que a acompanha (médico e/ou enfermeiro obstetra) é incentivar o parto normal e deixar você entrar em trabalho de parto para que hormônios importantes do nascimento sejam liberados. Entrar em trabalho de parto, deixar o bebê dar um sinal que ele está pronto para chegar é fundamental para o desenvolvimento emocional e fisiológico da criança.” (Rosana Lima)

A amamentação deve começar no local de parto, onde o bebê é colocado imediatamente em contato com a mãe. Essa hora tão importante, é denominada HORA DOURADA. “De acordo com a portaria 371 do Ministério da Saúde: Art. 4º Para o RN a termo com ritmo respiratório normal, tônus normal e sem líquido meconial, recomenda-se: I – assegurar o contato pele a pele imediato e contínuo, colocando o RN sobre o abdômen ou tórax da mãe de acordo com sua vontade, de bruços e cobri-lo com uma coberta seca e aquecida, verificar a temperatura do ambiente que deverá está em torno de 26 graus para evitar a perda de calor;” (Rosana Lima)

As vantagens da amamentação:

Ela ajuda, além da nutrição física, na construção emocional do bebê, criando laços entre mãe e filho.

O leite materno contribui para a inteligência da criança.

Protege o bebê contra doenças e reduz a chance de obesidade.

Facilita na perda de peso da mãe após a gestação.

As referências de texto e créditos são da palestra do curso de gestantes da Enfermeira Obstreta Rosana Lima.
Instagram da palestrante: @rosana.limaufes

Dicas de fim de ano para as mamães ocupadas

As comemorações de fim de ano já são estressantes por si só, imagina para as futuras e atuais mamães. A pressão de comparecer a eventos sociais, levar os filhos para festas e ainda ir atrás de presentes é grande.

Feriados são ótimos, mas geram muito estresse se não organizados. Por isso trazemos aqui algumas dicas para as mães lidarem com a correria do fim de ano sem esse estresse todo.

Vamos lá?

Equilibrar suas obrigações sociais.

É muito importante não se sentir na pressão de participar de todos os eventos, pois pode gerar uma sobrecarga. Manter esse equilíbrio é muito interessante.

Cuidar da saúde é essencial.

Se cuidar é um ato de carinho com você mesma, além de ser super importante. Manter uma alimentação saudável, não esquecer de exercícios físicos e ter uma boa noite de sono são fatores importantes para se manter saudável.

Organizar o tempo e fazer planos.

Manter uma boa organização é o ponto principal para conseguir fazer tudo que se planeja. Listar as responsabilidades, fazer orçamentos e planejar gastos podem ajudar na hora de se organizar melhor é importante.

Envolva sua família.

Às vezes na hora da correria esquecemos de dar atenção a todos que estão ao nosso lado. Por isso, é interessante envolver a família nas atividades do fim de ano, como embrulhar presentes juntos, preparar comida ou até mesmo decorar a casa. Vale a pena, além de ser uma atividade muito gostosa.

Peça ajuda.

Não tenha medo de pedir ajuda, use sua rede de apoio.

Passe um tempo com você mesma.

Tire um tempo para descansar e se cuidar, mamães também merecem cuidado. Não se cobre tanto e nem se encarregue de tudo para não sobrecarregar.

As dicas são essas, esperamos que você aproveite muito seu fim de ano e passe ótimos momentos em família ou até mesmo com você mesma!