Saiba como proteger seus filhos do sol e da desidratação neste verão

Finalmente chegaram as férias de verão, a época do ano mais esperada pelas crianças para brincar, relaxar e se divertir. Para os pais, no entanto, é necessário ter uma série de cuidados para que os filhos não sejam prejudicados pelas fortes radiações solares e temperaturas do período.

A desidratação e a insolação são exemplos comuns de problemas que podem ser causados pelos descuidos em relação ao calor e a luz solar que, além desses problemas, podem causar até câncer de pele em casos mais graves.

Pensando nisso, separamos uma lista de dicas importantes para que você proteja seus filhos e garanta que eles curtam as férias sem nenhum risco. Vamos lá?

  • Protetor solar

Busque orientação pediátrica na hora de escolher o protetor solar ideal para o seu filho. Para crianças de seis meses até dois anos, por exemplo, existem os filtros 100% físicos. A partir dos dois anos, já é recomendado o uso de protetores denominados ‘kids’ ou ‘para crianças’.

Além disso, os protetores adequados são normalmente os de FPS 30 ou maiores, com resistência à água e que não ardem os olhos. Antes de utilizar, faça um teste em uma pequena parte do corpo da criança para se certificar que não haverá irritação da pele.

Faça o uso do creme protetor solar cerca de 30 minutos antes da exposição ao sol, e não se esqueça de reaplicar o produto a cada duas horas. Além disso, certifique-se de utilizar o protetor mesmo em dias nublados.

A utilização do protetor solar não é recomendada para bebês de até seis meses, já que eles ainda têm a pele muito fina e sensível. Nesses casos, o ideal é que os bebês tomem pequenos banhos de sol no início da manhã ou no final da tarde.

  • Evite o excesso

Evite que seus filhos estejam expostos ao sol entre as 10 e 16 horas. Isso porque esse é o horário com a maior incidência de raios solares nocivos à pele e a saúde, podendo causar insolação, desidratação e até queimaduras.

Além disso, lembre-se de, mesmo em horários mais amenos, não exagerar no tempo exposto ao sol e garantir que as crianças estejam hidratadas. Água mineral, sucos naturais e água de coco, por exemplo, são boas opções para se manter hidratado durante o tempo exposto ao sol.

Se a criança já estiver desidratada, no entanto, recomenda-se o uso de soro oral, encontrado em farmácias e postos de saúde. Bebidas isotônicas, água de coco e água não funcionam como forma de reidratação para alguém desidratado. Além disso, deve-se procurar um médico.

Com esses cuidados, seus filhos vão poder aproveitar as férias com saúde e sem maiores complicações, afinal, é por esse momento que eles passam o ano esperando!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *